DestaquesExecutivo

HERANÇA MALDITA: Ex-prefeito Júlio César deixa rombo em mais de R$ 200 mil em dívidas com a Energisa no município de Aparecida

Na somatória acumulativa, o débito chega a R$ 201.000,00 (Duzentos e Um Mil Reais). Além da notificação do pagamento do valor, a prefeitura foi notificada também quanto ao corte de energias nas ruas da cidade.

Em pronunciamento a população de Aparecida, prefeito João Neto (PL) expôs um débito de R$ 201 mil deixado pela gestão passada, aos cofres do município.

Após receber notificação do débito existente, o prefeito articulou uma reunião com a empresa fornecedora de energia elétrica, a Energisa. O encontro aconteceu no gabinete do prefeito nesta terça-feira (27), com a presença da Supervisora de Relacionamento com o Poder Público, Helen Medeiros.

O objetivo era discutir uma negociação do parcelamento do débito. No entanto, todas as possibilidades pensadas e sugeridas, sempre esbarravam no esvaziamento dos recursos nas contas da prefeitura, ficando um débito quase que inviável de cumprir nesse momento.

Devido a aplicações de sanções imposta pela empresa como juros, atraso, multas e a quebra de contrato.

Herança da administração passada

Foram analisados os valores de todas as unidades consumidoras de energia da prefeitura. Na somatória acumulativa, o débito chega a R$ 201.000,00 (Duzentos e Um Mil Reais). Além da notificação do pagamento do valor, a prefeitura foi notificada também quanto ao corte de energias nas ruas da cidade.

Acompanhe mais informações no vídeo, com a fala do prefeito.

Mostrar mais

Redação

O Extra Paraíba é um portal de notícias e entretenimento, aqui você estará sempre atualizado com as últimas notícias do Brasil, mundo e da Paraíba em geral.

Leia Também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios