DestaquesParaíbaSaúde

Programa Opera Paraíba já soma mais de 6 mil cirurgias de catarata em 2023

A especialidade é a de maior demanda e volume de procedimentos disponibilizados pelo Programa Opera Paraíba. Isso se deve ao fato de que um paciente, na maioria dos casos, precisa realizar duas cirurgias, sendo uma em cada olho.

O Programa Opera Paraíba alcançou de janeiro até setembro deste ano a marca de 6.626 cirurgias de catarata realizadas no estado. Só no mês de setembro, foram 1.811 procedimentos realizados nas cidades de Solânea, Cajazeiras, Coremas, Taperoá, Itabaiana, Picuí, Queimadas, Mamanguape e Campina Grande.

A especialidade é a de maior demanda e volume de procedimentos disponibilizados pelo Programa Opera Paraíba. Isso se deve ao fato de que um paciente, na maioria dos casos, precisa realizar duas cirurgias, sendo uma em cada olho.

No ano de 2021 foram 3.933 cirurgias, e em 2022, foram realizadas 7.392 cirurgias de catarata por meio do Programa Opera Paraíba. Ao todo, 17.945 paraibanos já foram beneficiados com o procedimento, podendo voltar a enxergar com qualidade, desde a criação do Programa, em 2019.

Morador de Queimadas, Seu Manoel Vicente foi um dos contemplados com a cirurgia. Ele é garçom e conta que, após o procedimento, espera poder voltar a trabalhar. “Foi uma ação muito importante, porque financeiramente eu não poderia fazer essa cirurgia, foi um negócio muito bom que o Governo do Estado fez pra gente”, diz.

Dona Lucinete Sousa, da cidade de Pedras de Fogo, também realizou a cirurgia através do Programa. Ela diz que agora vai conseguir voltar a colocar o café na garrafa. “A noite pra mim, era a hora mais difícil. Quando eu faço café lá em casa, meu marido é quem bota na garrafa, porque toda vez que eu ia colocar o café na garrafa, derramava mais no chão do que na boca da garrafa. E com essa cirurgia, se Deus quiser, vou conseguir fazer só”, comemora.

As intervenções acontecem de forma itinerante por meio de mutirões, ofertando, normalmente, uma média de 50 cirurgias por dia nos hospitais da rede estadual de saúde, onde são executados os procedimentos. Dentre as cirurgias oftalmológicas, o Opera Paraíba também começou a ofertar a retirada de pterígio no último mês de abril.

O secretário de Saúde da Paraíba, Jhonny Bezerra, destaca que as mais de 6 mil cirurgias de catarata realizadas através Programa refletem o fortalecimento da interiorização da saúde no estado. “Estamos cumprindo a meta do governo estadual de levar a saúde para perto das pessoas, fazendo com que todas as regiões da Paraíba tenham capacidade de atender aos usuários do SUS com a mesma qualidade e eficiência dos grandes centros, não sendo mais necessário fazer longos deslocamentos para ter acesso ao tratamento de saúde”, pontua.

Para participar do programa, o encaminhamento é feito via cadastro no Opera Paraíba, através das Unidades Básicas de Saúde da Família (UBSF) das Secretarias de Saúde de cada município. Essa demanda é encaminhada para a Secretaria Estadual de Saúde, que organiza a fila para realização dos procedimentos, e direciona o paciente para o hospital executante mais próximo. A população também pode se cadastrar por meio do site: operaparaiba.pb.gov.br e inserir os exames e encaminhamentos.

Mostrar mais

Redação

O Extra Paraíba é um portal de notícias e entretenimento, aqui você estará sempre atualizado com as últimas notícias do Brasil, mundo e da Paraíba em geral.

Leia Também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios