DestaquesExecutivoPolítica

Vereadores entram com representação pedindo providências ao Ministério Público com a falta de médicos na cidade de São Domingos no sertão

Segundo a vereadora Alba relatou na denúncia que há mais ou menos 45 dias a Unidade Básica de Saúde do município encontra-se sem médico para atender a demanda popular

Os vereadores do grupo de oposição Alba Ribeiro, Irismar Rodrigues, Valderan Queiroga e Manoel Nóbrega, ambos do (Cidadania) entraram com uma representação no Ministério Público da Paraíba (MPPB) na qual estão pedindo que o órgão avalie providências jurídicas podem ser tomadas para tentar reverter à crise na saúde do município de São Domingos com a falta de médicos nas Unidades Básica de Saúde (UBS) e até o momento a Prefeitura não solucionou a situação, deixando a população desassistida na saúde pública.

Segundo a vereadora Alba relatou na denúncia que “Há mais ou menos 45 (quarenta e cinco dias) a Unidade Básica de Saúde do município encontra-se desprovida de médico para atender a demanda popular, não tendo a gestão atual procedido a nenhuma contratação para o provimento desse cargo de relevante interesse local.”, disse Alba.

Ainda de acordo com trecho da denúncia a indicação foi formalizada e cobrada em tribuna livre durante sessão legislativa pelo vereador Valderan Queiroga.  A “justificativa” dada pela gestão atual é descabida. Trata-se apenas de uma desculpa para manter-se inerte diante do descaso para com a saúde pública do Município de São Domingos, situação que se agrava em razão da Pandemia da COVID-19. Clique aqui e veja denúncia

Em contato a vereadora Irismar Rodrigues (Galega da Carnaúba) Disse que até o momento o município não chegou a realizar nenhum processo seletivo simplificado para a contratação de profissionais e que é um direito a todos o serviço de saúde pública.  “A saúde é um direito social fundamental, previsto na Constituição Federal, sendo, portanto, de relevância pública as ações e serviços de saúde, cabendo ao Poder Público dispor sobre a sua implementação, fiscalização e controle”, enfatiza.

No entanto, de acordo com a vereadora, “em total contrassenso com as normas insculpidas, o Município de São Domingos está deixando a população desassistida no seu direito básico, obrigando-a a buscar o atendimento médico em outra esfera, o que merece a competente intervenção do Ministério Público”, disse.

 

Mostrar mais

Redação

O Extra Paraíba é um portal de notícias e entretenimento, aqui você estará sempre atualizado com as últimas notícias do Brasil, mundo e da Paraíba em geral.

Leia Também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios